25.8 C
New York
Friday, July 7, 2023

Apaixonado por Lisboa | Revista Europeia de Viagens


Algumas cidades ressoam mais em nós do que outras, e sentimos aquela conexão especial, que nos obriga a voltar sempre. Como um ímã poderoso, que direciona nossa bússola de viagem interna para seu verdadeiro norte, algumas cidades estrangeiras parecem lar. Lisbon mantém Jocelyn Garwood voltando, e toda vez que ela descobre algo novo. O que constitui a Lisboa por excelência? Vale a pena visitar o Museu Calouste Gulbenkian, o Mosteiro de São Vicente de Fora e a Estufa Fria? Descubra, quando Jocelyn nos mostrar o melhor de Lisboa, e porque ela é apaixonada pela capital de Portugal.

Por Jocelyn Garwood

Não importa a época do ano em que visito Lisboa, sempre descubro algo novo e emocionante!

A minha última visita foi no verão de 2021, e voltei a descobrir novos ‘favoritos’: o Mosteiro de São Vicente de Fora e o Museu Calouste Gulbenkian.

No entanto, minha maior descoberta ocorreu quando inadvertidamente me deparei com Estufa Friaescondido no canto noroeste de Parque Eduardo VII. Apesar de já ter passado inúmeras vezes por este parque, só no ano passado descobri o Complexo Botânico da Estufa Fria! Eu me perguntei como poderia ter perdido isso em tantas visitas anteriores a Lisboa. Mas isso só prova que continua a haver lugares que vale a pena descobrir de novo e de novo.

Aqui estão os meus lugares favoritos em Lisboa, capturados na câmera. Do essencial ao desconhecido, na esperança de que você também descubra algo novo.

Algumas cidades me dão espinhos frios; outras cidades me dão carinhos calorosos; e outros ainda não me dão nada. ‘Lisboa Quintessencial’ é a minha coleção definitiva de mensagens quentes e inclui muitas coisas.

Lá estão as ruas de paralelepípedos, as roupas secando no varal; os cafés nas calçadas; e os velhos bondes elétricos que ainda sobem, descem e contornam as colinas íngremes de Alfama. Há uma simplicidade maravilhosa em todas essas coisas.

Além disso, há a vívida arte de rua – tanto acima quanto abaixo da rua. Dá-me imagens criativas para apreciar e novas ideias para contemplar. E Lisboa não seria a mesma sem os seus quiosques de café, azulejos e esquifes no Tejo.

O Mosteiro foi fundado em 1174 pelo primeiro rei de Portugal, DA Henriques (1110-1185). A sua fundação resultou de uma promessa feita ao mártir S. Vicente em agradecimento pelo sucesso da recuperação de Lisboa aos mouros.

Ao longo dos séculos, o mosteiro passou por muitas transformações, resultando na impressionante estrutura que vemos hoje. E, impressionante, assim como as vistas panorâmicas do telhado!

Este museu foi fundado pelo filantropo arménio Calouste Gulbenkian (1869-1955). Abriga uma das melhores coleções de arte particulares de toda a Europa! (A biografia de Gulbenkian é uma leitura fascinante.)

A enorme coleção inclui objetos da antiguidade ao século 20: estátuas egípcias antigas, moedas gregas, porcelanas da China, lacas e gravuras do Japão, uma riqueza de arte islâmica oriental, pinturas europeias de grandes pintores dos séculos 15 a 19 e requintados artes decorativas europeias.

Os artefactos do Museu Gulbenkian são simplesmente deslumbrantes!

Eu amei tanto esse lugar, voltei várias vezes!

A Estufa Fria é um complexo muito interessante. Na verdade, consiste em três estufas: Estufa Fria (Chilly Greenhouse) – o maior; Estufa Quente (Estufa Quente) – tamanho médio; e estufa doce (Candy Greenhouse) – o menor.

Aninhado em um jardim mais amplo, o complexo da estufa é coberto por uma cobertura especial de madeira. É muito fácil esquecer que você está realmente em uma estufa. Alguns dos caminhos dão a impressão de estar realmente “na natureza”.

Quer saber mais sobre Portugal?

Nomeado em homenagem ao rei Eduardo VII do Reino Unido, este parque apresenta uma ampla encosta gramada e uma cobertura simétrica em forma de caixa. Localizada no extremo norte da Avenida da Liberdadeé muito fácil de encontrar.

É sempre maravilhoso passear por este parque, pois sempre há algo bonito para se ver. É um native particularmente bom para ver o pôr do sol. Demorei para descobrir que o prédio amarelo com a fachada bastante ornamentada é na verdade um pavilhão esportivo.

Apaixonei-me por Lisboa há anos, e nada mudou! Tem sido caloroso o tempo todo!

Jos é uma nômade (também idosa que viaja sozinha), nascida no Canadá, mas cidadã do mundo. Quando ela estava no lado matinal da montanha, ela simplesmente jogava a mochila nos ombros e começava a pedir carona. Agora que ela está no lado noturno da montanha, ela ainda carrega a mochila no ombro, mas não pede mais carona – muito perigoso.

Siga esta nômade inspiradora enquanto ela prova que a curiosidade e o senso de aventura não têm prazo de validade nem preço.

Se você quiser descobrir mais lugares emocionantes perto de Lisboa, confira Palácios de Portugal: Sintra ou Um verdadeiro Jurassic Park no Centro de Portugal – a apenas uma hora de carro de Lisboa.

Related Articles

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Latest Articles